Resenha: Paixão Sem Limites, Abbi Glines

maio 05, 2016 2 Comments A+ a-

Título: Paixão Sem Limites
Autores: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Páginas: 192
ISBN: 9788580412208
Lançamento: 2013
Gênero: Romance – Literatura Estrangeira
Onde comprar: Amazon - Saraiva - Submarino
Links: Skoob
Avaliação: ★★★★
Sinopse: Ele podia ter tudo que quisesse. Menos ela. Blaire Wynn não teve uma adolescência normal. Ela passou os últimos três anos cuidando da mãe doente. Após a sua morte, Blaire foi obrigada a vender a casa da família no Alabama para arcar com as despesas médicas. Agora, aos 19 anos, está sozinha e sem lugar para ficar. Então não tem outra escolha senão pedir ajuda ao pai que as abandonara. Ao chegar a Rosemary, na Flórida, ela se depara com uma mansão à beira-mar e um mundo de luxo completamente diferente do seu. Para piorar, o pai viajou com a nova esposa para Paris, deixando Blaire ali sozinha com o filho dela, que não parece nada satisfeito com a chegada da irmã postiça. Rush Finlay é filho da madrasta de Blaire com um famoso astro do rock. Ele tem 24 anos, é lindo, rico, charmoso e parece ter o mundo inteiro a seus pés. Extremamente sexy, orgulha-se de levar várias garotas para a cama e dispensá-las no dia seguinte. Blaire sabe que deve ficar longe dele, mas não consegue evitar a atração que sente, ainda mais quando ele começa a dar sinais de que sente a mesma coisa. Convivendo sob o mesmo teto, eles acabam se entregando a uma paixão proibida, sobre a qual não têm nenhum controle. Mas Rush guarda um segredo que Blaire não deve descobrir e que pode mudar para sempre as suas vidas.

O que você faria se tivesse acabado de perder sua mãe para um câncer? O que você faria se não tivesse nada além da sua picape? O que você faria se seu pai tivesse te abandonado muitos anos atrás e ele ser sua a única família? Você iria atrás dele ou tentaria seguir sua vida como fosse possível?

Essas são as perguntas que Blaire Wynn anda fazendo para ela mesma. Ela passou os últimos anos cuidando de sua mãe que estava com câncer. A doença não consumiu apenas sua mãe, mas sim todo o dinheiro que elas tinham, a casa de sua avó e a juventude de Blair.  Ela não tem nenhum lugar para morar, não tem nenhum dinheiro, tudo que lhe restou foi sua velha picape. A única saída que Blair tem é contatar o seu pai, que abandonou ela e sua mãe anos atrás, após um trágico acidente.

Blaire avisa o pai que está indo para Rosemary, ela precisa apenas de um lugar para ficar por uns dias, para arrumar um emprego e juntar dinheiro para ir para sua própria casa. Blaire guarda grande ressentimento e mágoa do pai, que aumenta assim que ela chega na casa dele. Blaire da de cara com uma festa em uma mansão a beira mar, o que a faz se sentir mais descolocada. E a situação piora quando ela descobre que o pai foi viajar com sua esposa e sequer avisou que ela estava chegando.

Agora ela está presa em uma mansão, com o filho (Rush) e a meia irmã dele (Nanette) da sua "Madrasta". Nenhum deles a quer lá, mas Rush é convencido a deixa-la ficar, mas no quarto da emprega embaixo da escada. Apesar de toda situação estar péssima, não demora muito tempo para Blaire ficar fascinada por Rush.
"Rush estreitou os olhos e me estudou com atenção. Os olhos dele tinham uma cor esquisita. Surpreendente e incomum. Não eram castanhos nem cor de avelã. Eram de uma cor quente, com um pouco de prateado. Eu nunca tinha visto nada como aquilo." - Blair
Blaire arruma um emprego rapidamente e se adapta a ele rapidamente também. Tudo que ela quer é ganhar dinheiro para ir embora logo, pois seu pai a abandonou pela segunda vez e Rush tem tanta raiva dela que a colocou num lugar da casa do qual ele não precisa vê-la. Ela ainda precisa lidar com a meia irmã mimada de Rush, que parece nutrir um ódio profundo dela e ela não faz ideia do motivo. Blaire não é a única a estar fascinada por alguém, muitos rapazes na cidade também estão fascinados por ela e neste momento ela começa a conhecer outras faces do Rush.
"-Fique longe de mim, Blaire. Você não vai querer chegar muito perto.... -Estou me esforçando ao máximo para ficar longe de você." - Rush
"- Tem coisas sobre mim que você não sabe. Eu não sou um daqueles caras que você pode tratar feito um cachorrinho. Tenho bagagem. Muita.Bagagem demais para alguém como você. Imaginava uma pessoa muito diferente, levando em conta que conheço o seu pai. Você não é como ele. Você é tudo aquilo de que um cara como eu deve ficar longe. Eu não sou a pessoa certa para você."
Blaire começa a ficar confusa com tudo e todos ao seu redor. As pessoas parecem saber de coisas que ela não sabe, alguns querem protege-la, outros querem acusa-la. Nesse meio de intrigas Blaire e Rush acabam se envolvendo e tudo começas a parecer perfeito, até seu pai retornar de viagem e o segredo que Rush vinha guardando se tornar algo grande demais para continuar.
"As despedidas não eram aquilo tudo que diziam. Isso agora eu sabia." - Blair
Um livro curto, rápido e gostoso de ler. Uma história com muitos segredos e muita paixão. Sem dúvida a história vai te envolver. Livro é narrado apenas pela perspectiva de Blaire, mas conseguimos pegar muitas das faces do Rush. Uma série com 4 livros, você não vai conseguir parar no primeiro.


2 comentários

Write comentários
6 de maio de 2016 12:51 delete

Me parece ser um livro cheio de emoções. Imagino como deve ser difícil uma situação dessas... perder a mãe e passar por isso com o pai novamente. Sem contar esse dois na casa onde ela fica... imagine toda confusão que não passou pela cabeça dela...
Adorei a resenha e me interessei pelo livro.
Beijos

https://quantomaislivrosmelhor.blogspot.com

Reply
avatar
7 de maio de 2016 11:45 delete

Oi Priscila,

Tem muita emoção mesmo, prepare-se para tudo rs rs.
Que bom que gostou e se interessou, depois que ler conta o que achou ;)

beijos

Reply
avatar