Resenha: Feitiço, Sarah Pinborough #sagaencantada2

21:00:00 3 Comments A+ a-

Título: Feitiço (Saga Encantada #2)
Autor: Sarah Pinborough
Editora: Única
Páginas: 247
ISBN: 9788567028057
Lançamento: 2013
Gênero: Fantasia / Literatura Estrangeira / Ficção
Links: Skoob
Avaliação: ★★★★★
Sinopse: Cuidado com o que você deseja! Para fãs de Once Upon a Time e Grimm, a série Encantadas prova que contos de fadas são para adultos! Você se lembra da história da Cinderela, com sua linda fada madrinha, suas irmãs feias e um príncipe encantado? Então esqueça essa história, pois nesta releitura de Sarah Pinborough ninguém é o que parece. Em um reino próximo, a realeza anuncia um baile que encontrará uma noiva para o príncipe e parece que o desejo de Cinderela irá ganhar aliados peculiares para ser realizado. Contudo, não será fácil: ela não é a aposta de sua família para esse casamento real, e sua fada madrinha precisa de um favorzinho em troca de transformar essa pobre coitada em uma diva real. Enquanto isso, parece que Lilith não está muito contente com os últimos acontecimentos e, ao mesmo tempo em que seu reino parece sucumbir ao frio, ela resolve usar sua magia para satisfazer suas vontades. Feitiço é o segundo volume da trilogia iniciada com Veneno, um best-seller inglês clássico e moderno ao mesmo tempo em que recria as personagens mais famosas dos irmãos Grimm com personalidade forte, uma queda por aventuras e, eventualmente, uma sina por encrencas. Princesas, rainhas, reis, caçadores e criaturas da floresta: não acredite na inocência de nenhum deles! Palavra da editora: Nada é o que parece no segundo volume da saga encantadas! Em Feitiço, Cinderela, com seu desejo desmensurado de fazer parte da realeza, fará qualquer coisa para obter atenção do príncipe. Mas seria mesmo este um final feliz? – Mariana Rolier


Cinderela vive em uma casa com seu pai, sua madrasta e sua meia irmã Rose e sua meia irmã Ivy. Cinderela faz todos os serviços domésticos, ela limpa, cozinha, arruma tudo. Sua família não tem grandes posses, então a vida não é muito confortável. Sua irmã Ivy é casada com um visconde, e a madrasta de Cinderela quer ensinar Rose a ser uma dama, para que ela tenha um bom casamento. Cinderela desde sempre foi apaixonada pelo príncipe e sempre sonhou com a vida no castelo e quando o rei anuncia que será dada uma grande festa para que o príncipe possa escolher sua esposa, Cinderela fará qualquer coisa para se tornar sua noiva, doa a quem doer.

“Cinderela achou que poderia matar por um vestido como aquele, ou mesmo por uma única volta naquela bela carruagem. Ela podia matar, mas não tinha certeza se conseguiria beijar o visconde para conseguir nada isso.”

Cinderela tem alguns amigos que sempre vem visitá-la, um deles trabalha no castelo e vive trazendo algumas peças a ele, pois ele rouba dos ricos para dar aos pobres. Outro amigo que ela faz é um ratinho, que sempre vem a noite e ela o alimenta. Sua madrasta começa a preparar Rose para o baile, porém devido a condição a família ela não pode ir ao baile. Até que sua “fada madrinha” aparece. Ela promete a Cinderela que o príncipe não terá olhos para outra a não ser ela, mas ela também precisa fazer algo por sua fada madrinha. Ele precisa procurar pelo castelo todo, algo que sua fada madrinha deseja. O baile acontece em dois dias e conforme o prometido, o príncipe só tem olhos para Cinderela. Ao final do baile, ela perde o sapatinho de cristal e a busca incansável do príncipe começa. Quando enfim as buscas acabam e ele finalmente a encontra e a leva com ele, ela começa a notar que a vida no castelo pode não ser tudo aquilo que imaginava.

Ainda existe a dívida com sua fada madrinha, e Cinderela busca sem saber ao certo o que ela deseja. Sua fada madrinha disse apenas que ela saberia o que é quando encontrasse. Quando Cinderela encontra o que tanto a fada madrinha deseja, seu mundo perfeito começa a ser abalado.

“O que ele estava fazendo ali? O que guardava ali que era tão precioso que havia trancado tão distante do centro ativo do castelo? Ele era o príncipe, com certeza não tinha de se preocupar com que lhe roubassem nada. Por que esconder o que quer que fosse? Por que visitar esse lugar apenas no meio da noite quando todo mundo estava dormindo?”

Neste segundo livro, muito mais envolvente que o primeiro, conheceremos a história da família de Cinderela, nem sua madrasta nem suas irmãs são más, muito pelo contrário. Veremos um Cinderela invejosa, que criou um mundo dentro de sua mente e sempre viveu nele, se recusando a ver o obvio dentro de sua casa.

Muitos dos personagens deste livro, estiveram no primeiro também, no decorrer do livro você terá um nó na sua cabeça, mas quando estiver no final você entenderá tudo e ficará surpreso como a Autora conseguiu amarrar a história tão bem e fazer todos os detalhes casarem. Teremos mais de um conto de fadas envolvido neste livro.

Uma história bem feita e surpreendente.
Espero que gostem!

Beijos ☺


3 comentários

Write comentários
21 de fevereiro de 2017 08:23 delete

Oi, Paola!
Gente, estou chocadaney com essa Cinderela invejosa.
Eu ganhei o box dessa trilogia e estou bem ansiosa.
Beijos
Balaio de Babados
Promoção Quatro Anos de Minhas Escrituras
Sorteio Literário de Carnaval

Reply
avatar
21 de fevereiro de 2017 11:24 delete

Oi Luiza!
Kkkkk, tem bem mais coisas chocantes nessa série, mas sem spoilers rs
Você vai adorar, certeza.

Beijos

Reply
avatar
22 de fevereiro de 2017 23:12 delete

Oi Paola! Tudo bem? Eu só li o primeiro, sua resenha me fez lembrar que preciso voltar urgentemente para essa série!

Bjs, Mi

O que tem na nossa estante

Reply
avatar