Resenha: Tudo e todas as coisas, Nicola Yoon

Young Adult || 304 Páginas || Editora Novo Conceito || 2016 || Skoob || Classificação: ★★★★

Em Tudo e Todas as Coisas somos apresentados a história de Madeline Whittier, uma jovem de 18 anos que possui a IDCG, uma doença que a deixa alérgica a praticamente tudo no mundo. Maddie nunca pode ir ao ar livre, vivendo dentro de uma casa totalmente equipada contra as ameaças exteriores. Além dos seus amados livros suas únicas fontes de contato são alguns professores, sua amiga e enfermeira Carla e sua mãe, que também é sua médica. Mas tudo está prestes a mudar com a chegada de novos vizinhos na casa ao lado.

Quando Maddie cruza o olhar com o novo vizinho Olly e descobre o quão divertido e insistente ele é, os dois começam a se 'encontrar' online e dessas conversas surge uma amizade colorida. Em meio a essa amizade Maddie passa a querer mais da vida e só conversar por e-mail não é e nunca será suficiente. Olly desperta nela uma vontade de viver de verdade e decidida a ter isso pelo menos uma vez, Maddie passa a quebrar todas as regras e limitações impostas por sua rara doença.

Demorei tanto para ler esse livro porque queria ler antes de ver o filme, e o que posso dizer é que a minha demora valeu a pena, tanto pelo livro quanto pela adaptação!

A escrita da autora é muito fluída e os personagens são encantadores. É surpreendente acompanhar a rotina de Maddie no começo e sua evolução ao longo da história. Suas descobertas, suas escolhas, seu amadurecimento foi muito bom de ler. Além do foco na rara condição de Maddie e sua relação com a mãe, também é explorado a situação da família de Olly, que tem um pai agressivo e abusivo com a mãe, que é um tema muito discutido atualmente. 

É interessante acompanhar a narrativa do ponto de vista de Maddie que conta com listas, desafios, desabafos, desenhos, definições, prontuários, dados sobre sua doença, novas emoções com relação a Olly e uma coisa que me chamou bastante atenção, as resenhas literárias sobre suas leituras e como elas a impactaram. 

Foi uma leitura que me surpreendeu, como eu falei, e me surpreendi mais ainda por não ser uma história que fica pesada ou triste em seu desenvolvimento. É emocionante? Sim! Mas somos levados a todo momento a torce para que Maddie realmente viva e aproveite da melhor forma o que a vida tem a oferecer e isso nos faz refletir sobre a maneira como temos levado nossas vidas. Temos realmente aproveitado todos os momentos da nossa vida como deveríamos?

O desfecho da história para mim foi totalmente inesperado, simplesmente nada daquilo passou pela minha cabeça! Fiquei muito indignada e estarrecida, depois passei a compreender melhor. Não posso falar muito sem dar spoilers, então simplesmente leiam!

O livro foi lançado em 2 edições, acabei comprando a com a capa do filme (que eu geralmente não gosto de comprar), mas confesso que a edição ficou maravilhosa com as fotos do filme no meio da leitura. A diagramação da editora ficou ótima, e como falei acima, te vários elementos que ilustram muito bem a narrativa. Recomendo!

Claro que depois que acabei o livro fui correndo assistir o filme, que finalmente está disponível no Net Now (thanks God!). Achei a adaptação ótima e com um bom ritmo, desde a escolha dos atores, a trilha sonora e a fotografia. A narrativa não é pesada e assim como no livro não nos força a ficar triste com a condição de Maddie, mas sim torce por ela. Confira o trailer abaixo!


Já leram? O que acharam?
Conta aqui embaixo nos comentários ↓

8 comentários:

  1. Oi, Rai!
    Ao contrário de você, eu já esperava aquele final acontecer..
    Eu queria ter gostado bem mais da história, mas me decepcionei em certos aspectos...
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe das promoções em andamento e ganhe prêmios maravilhosos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lu!
      Poxa que pena =(
      Eu me surpreendi bastante.
      Beijos!

      Excluir
  2. Oiii Raissa, tudo bom?

    Esse livro trata de uma história bem diferente, eu tinha altas expectativas com ele mas infelizmente me decepcionou bastante, acho que é a escrita da autora que simplesmente não me prende sabe? Já tentei ler outro dela também e igual esse não funcionou.

    Beijokas

    aliceandthebooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alice!
      Bem e você?
      Poxa, que coisa =(
      Eu achei a história bem diferente mesmo, e ao contrário me prendeu e achei bem dinâmico na leitura.
      Não conheço os outros livros dela, vou pesquisar!
      Beijos!

      Excluir
  3. Oi Raissa, tudo bem?

    Eu só vi o filme e gostei bastante! E tb fui bem surpreendida com o desfecho, tb não esperava hehehehehehe agora quero ler o livro!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mi!
      Bem e você?
      Gostei bastante do filme também :)
      Leia sim, acho que você vai gostar bastante, beijos!

      Excluir
  4. Ahhhh, eu adorei tanto essa história! *-* achei muito fofinha.
    Recentemente vi o filme também e adorei! Como você falou a escolha da trilha sonora, a fotografia... foi tudo muito caprichado!


    Beijocas,
    Carla Felzemburgh
    www.sharingbooks.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carla!
      Ahhhh *-*
      Achei tudo muito caprichado mesmo, adorei!
      Beijos!

      Excluir